• +55 (31) 2511-9636 / 3146-9003
  • contato@piscinar.com.br
  • Seg - Sex: 08:00 - 18:00
Imagem retirada de https://boaforma.abril.com.br/fitness/5-perguntas-e-respostas-sobre-a-natacao/
Imagem retirada de https://boaforma.abril.com.br/fitness/5-perguntas-e-respostas-sobre-a-natacao/

Com a chegada dos dias frios, muita gente corre para a piscina aquecida com o intuito de fugir do exercício ao ar livre. Se você está pensando em fazer o mesmo, mas ainda tem suas dúvidas a respeito da prática, pode ficar tranquila. Fomos conversar com a educadora física Marta Mitsui Izo, ultramaratonista, especialista em maratona aquática e professora na Bodytech Unidade Eldorado, em São Paulo. Ela nos contou quais são as principais questões levantadas por alunas de primeira viagem:

1 – A natação vai deixar meu corpo muito musculoso (com as costas largas, ombros maiores)?
Funciona da mesma forma que a musculação: a hipertrofia só vem com treinos mais pesados e bem específicos para esse fim. “Geralmente só acontece se a pessoa mantiver um ritmo muito intenso — nadar uma média de seis vezes por semana, pelo menos duas horas por dia. E se tiver uma predisposição para ter ombros e costas largas também, claro”, explica a ultramaratonista.

A educadora ainda diz que por ser um esporte que gera altos gastos calóricos, é natural que se você fizer direitinho, queime mais gordura e fique com os músculos mais aparentes. Mas lembrando que não vai ser da noite para o dia! Para esse fim, variar os estilos de nado (crawl, peito, borboleta…) é essencial.

2 – É verdade que a natação é um ótimo esporte para quem tem lesões por gerar menos impacto?
“Verdade. Lógico que depende da lesão, mas geralmente recomenda-se a prática sim. Inclusive, a natação é muito usada para recuperação de lesões e pós-cirurgia.”

3 – Eu consigo fazer treinos de força com a natação? Ou ela é considerada uma prática mais aeróbica?
É possível fortalecer com a natação sim. Marta, inclusive, cita alguns aparelhos utilizados para melhorar o tônus muscular dentro da água:

- Palmar: ótimo para os membros superiores, uma vez que, encaixado na mão, ele cria mais resistência nas braçadas;
- Paraquedas: você encaixa na cintura, e ele vai te deixar bem mais lenta. Desse modo, você sente como se estivesse nadando contra a correnteza de um rio ou mar, faz muito mais esforço e gasta muito mais calorias;
- Nadadeiras: assim como o palmar, elas geram uma resistência maior e pedem mais esforço das pernas.

4 – Pode melhorar a minha dor nas costas?
“Com certeza. Por estar dentro da água, a coluna não sofre com a gravidade e, com isso, as dores são amenizadas”, diz Marta.

5 – Como lidar com a menstruação dentro da piscina?
A ultramaratonista diz que essa é uma das principais preocupações de suas alunas. Mas não precisa ficar com isso na cabeça! “Quase todas as mulheres menstruam. Eu prefiro, nesses casos, o uso do absorvente interno”, afirma Marta. Mas é claro que você também pode optar pelo coletor, a versão externa…

6 – Nadar melhora a capacidade respiratória?
Todo mundo que sofre de asma ou bronquite provavelmente já foi aconselhada a ir para a piscina. Isso tem uma explicação. “Quando expiramos o ar dentro d‘água, temos que fazer força para soltar o ar. Isso faz com que trabalhamos mais o músculo diafragma (responsável pela respiração) e toda a região da caixa torácica”, diz a ultramaratonista. Assim, sua capacidade respiratória melhora muito sem você nem se dar conta.

E melhorar a respiração pode ser benéfico até para quem não tem nenhum problema. Estudos já mostram melhoras na performance de corredores que começam a nadar (e o melhor: sem risco de lesões!).

Fonte: Boa Forma

  • Telefone:
    +55 (31) 2511-9636 / 3146-9003

  • R. Dom João Antônio dos Santos, 230, Coração Eucarístico, Belo Horizonte, MG

Sobre

A Piscinar é uma empresa especializada no ramo de piscinas, saunas e acessórios para lazer. Especializada na construção de piscinas de vinil e fibra,está no mercado desde 1994 e já construiu centenas de piscinas em toda MG.

Whatsapp